Fritando amor

O tempo fechou e qualquer plano de brincar lá fora foi cancelado. Em Lupércio, dá ver a chuva andando em nossa direção. A chuva de outono chega devagar mas vem anunciada pelos ventos. O vento assusta e a criançada corre pra dentro de casa. A Sessão da Tarde não é suficiente para entreter e segurarLeia Mais

Rótulo de comida, quem nunca guardou?

O bolo prestígio lá de casa veio de uma receitinha de lata de leite condensado. Como naquela época não tinha internet, as fontes de novidades eram os programas de TV (saudades da Ofélia) e os rótulos de produtos. Lembro de, na hora da compra, comparar os rótulos pra  não pegar receita repetida. Minha mãe, queLeia Mais

Meu bolo preferido

Um dia, não sei bem porque, estava contando pra uma amiga qual era meu bolo preferido. Lembrei de quando comi pela primeira vez um pedaço dessa delícia e não conseguia mais parar. Implorei para minha mãe pedir a receita e lá se foi ela copiá-la. Palavras tão simples, que combinadas, seriam o marco da minhaLeia Mais

Canjica sem mistérios

As festas juninas já passaram mas a vontade de comer canjica ainda não? Então não deixe as lombrigas te consumirem. É simples de fazer e vai deixar sua criança interior feliz até a próxima quadrilha. Depois que saí da casa da minha mãe, sempre que tentava fazer canjica era um fracasso. Ou ficava sem gosto,Leia Mais